Busca

Alunos do Campus EaD já contam com nova sala de aula virtual – mais moderna, segura e acessível

A sala de aula do Campus de Educação à Distância do IFRN, a plataforma Moodle, está mais moderna, segura e acessível. É o que diz Kelson da Costa Medeiros, coordenador do setor de Tecnologia da Informação do Campus. “Realizamos grandes mudanças neste semestre e estamos constantemente em período de testes, pois o processo é contínuo. A plataforma agora está mais segura para os usuários, adaptada para deficientes e também mais leve e visualmente melhor”, explica.

As melhorias começam no quesito “segurança”, já que os firewalls da plataforma foram reforçados, buscando sempre a proteção dos dados dos alunos. Também pensando nos usuários, a plataforma foi melhor adaptada para a versão mobile, que é utilizada em smartphones. “Como o uso desses aparelhos é muito comum, a versão mobile foi aprimorada”, explicou Kelson.

As mudanças incluem, ainda, um layout mais simplificado, retoques de texto e posicionamento de imagens, para facilitar a leitura na tela do celular. Visualmente, o aspecto da plataforma também sofreu alterações, com o objetivo de proporcionar conforto na usabilidade de estudantes e professores. “Modificamos a escala de cores e a disposição de alguns botões, ícones e ambientes.
As melhorias foram necessárias para garantir a máxima performance da plataforma”, disse o coordenador da operação.

Segundo Kelson, as mudanças no Moodle foram necessárias pensando sempre no conforto de quem o utiliza. “Um aluno de 60 anos consegue mexer muito bem na plataforma. Ele não vai se sentir intimidado pela interface. Procuramos nos inspirar nas redes sociais e em visões que os alunos já teriam contato prévio, valorizando sempre a eficácia visual”, explica, enfatizando que o processo de adaptações foi árduo e não tem previsão de término. “Foi um processo complicado. Fizemos um estudo intenso de possibilidades, que durou cerca de quatro meses. Mas as mudanças nunca acabam, assim como nosso software! Vamos estar sempre trabalhando para melhorar a plataforma”, comenta.

 

Acessibilidade

A plataforma Moodle do Campus EaD também privilegia a acessibilidade de todos. “Procuramos nos adequar às necessidades dos nossos alunos e muito deles são especiais, então buscamos formas de fazer o conhecimento chegar até eles da melhor maneira possível”, explica Kelson.

Uma das ferramentas é um software de leitura de tela, que transforma informações visuais de computadores em áudio. As cores também foram pensadas para causar o menor impacto na visão e não prejudicar deficientes visuais ou daltônicos, por exemplo. “Uma aluna relatou que, por causa da fotofobia, um dos tons de verde do Moodle causa fadiga na visão dela. Vamos tentar corrigir isso”, relatou o coordenador.

O Moodle é um tipo de plataforma online e gratuita de aprendizado à distância, do inglês Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment – que pode ser traduzido como “Ambiente de aprendizado modular orientado ao objeto”. Dentro da plataforma, os professores podem criar salas de estudo, disponibilizar os materiais didáticos, realizar avaliações e propor discussões e interações entre os alunos.

Para acessar a plataforma Moodle e conferir de perto as mudanças, clique aqui.

Compartilhe esta notícia