Portal IFRN

Servidor do IFRN/ZL é aprovado em seleção do curso de doutorado do PPGEP

Servidor do IFRN/ZL é aprovado em seleção do curso de doutorado do PPGEP

COMPARTILHE

Servidor do IFRN/ZL é aprovado em seleção do curso de doutorado do PPGEP

O professor do Campus Avançado Natal – Zona Leste do IFRN, Gueidson Pessoa de Lima, foi aprovado no processo de seleção do curso de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional (PPGEP) desse Instituto Federal.

O servidor será orientado pela Profa. Dra. Ilane Ferreira, na linha de pesquisa de Formação Docente e Práticas Pedagógicas na Educação Profissional, onde pretende aprofundar a compreensão das práticas pedagógicas dos docentes da disciplina de Música do IFRN que atuam em contexto educacional inclusivo. O estudo propõe utilizar as narrativas desses educadores como meio revelador dessas práticas, buscando, assim, fomentar processos (auto)formativos.

Gueidson Pessoa é graduado em Educação Artística, com habilitação em Música, pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e em Letras, com habilitação em Língua Brasileira de Sinais (Libras), pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Tem especialização em Educação Holística e Qualidade de Vida e mestrado em Educação, ambos pela UFRN. Para ele, ser aprovado na seleção é uma oportunidade de verticalizar sua formação acadêmica. O professor complementa que: “Enquanto professor de Arte/Música, Língua Brasileira de Sinais e pesquisador na área da Educação Inclusiva, estando atuando em contexto de Educação Profissional, senti a necessidade de compreender melhor esse campo epistêmico que é a Educação Profissional, traçando interfaces com as minhas demais áreas de estudo, na intenção de melhorar meu fazer enquanto professor e contribuir com os estudos nas áreas já citadas”.

A comunidade acadêmica do Campus Avançado Natal – Zona Leste do IFRN parabeniza o professor Gueidson Pessoa pela conquista e aguarda ansiosamente a contribuição de seu estudo para o aprimoramento das práticas pedagógicas na educação profissional e tecnológica.

COMPARTILHE